Pesquisa
avançada
12768 joguetes

Jogo recentemente visto:

Astal

Valis - The Legend of a Fantasm Soldier (PCE)

Mugen Senshi Valis - Legend of a Fantasm Soldier

  • opa, YUKO acordou em seu lençol rosa

  • então vai ter peitinho

  • e CALCINHA

  • pronto, agora já podem jogar. que tal, heim?

  • quando ela pula sempre aparece a calcinha

  • quando desliza, também. que jogo sério e honrado.

  • cérebros flutuantes

  • enfrentando o mandara do shinobi

  • o mestre

  • transformada, com calcinha de fora, enfrentando um pirata

  • caixa choramingante

Depois do SUCESSO-SIM-SENHOR do Valis 3, o Valis 1, original de computadores e com port pro NES, teve dois remakes, um pra PC Engine e um pra Mega Drive, e os dois perderam aquela característica de ter que ficar NAVEGANDO pela fase como se ela fosse um labirinto e se tornaram arcades de plataforma comuns como as continuações. O de PC Engine é o melhor.

Os gráficos, sons e animações são bons, o jogo é rápido e difícil, a tela enche de inimigos diferentes, tem vários demos entre as fases e, além de upgradear a espada, podes roubar as magias dos mestres depois de derrotá-los, para usá-las durante as fases seguintes. PC Engine era mesmo um dos melhores videogames que existiam, bem avançado para a época e com muito jogo choramingante.


História: O Imperador Rogles, do mundo dos DEMONHO, ou algo assim, está invadindo a terra e uma jovem de cabelos azuis ganha uma espada mágica e uma mini-saia para derrotá-lo. Claro que a amiga dela, que é um clone dela mas com os cabelos diferentes, foi recrutada pelo Imperado, para fazer um duelo de buruseras na penultima fase.


Recentemente a Telenet SACANEOU bem e vendeu os personagens para uma série de jogos hentai chamada Valis X. Claro que o jogo sempre teve grande potencial para inspirar os OTAKUs à bronha, como comprovam os screenshots de calcinha que podem ser vistos neste review. Mas segurem-se que lá vem mais uma SOCADA estilo bau de jogos. Vejam bem, uma escandalizada com o Valis X aqui: http://gamehall.uol.com.br/site/?p=1477


Olha só as aboboras que o CAMARADA escreveu nesse endereço acima, disponível publicamente na internet, sem restrição de acesso e que copiamos aqui apenas com o fim de divulgação:

"Esse novo game, para computadores, é um game hentai. hentai!"


E? Vai tomar no cu, NO cu!!


"Para quem não sabe, os "games" hentai não passam de imagens pornográficas com personagens dos jogos. No Japão há uma grande filão para os produtos hentai, rendendo muito dinheiro nessa indústria de pornografia desenhada. No caso de Valis vamos ver as quatro principais protagonistas, Yuko, Valna, Cham e Reiko em cenas de lesbianismo hardcore e os famosos tentáculos, muito comuns nos hentai."


Não me diga.


"Eu, particularmente, acho isso o fundo do poço! Conheci os games Valis no auge da fase dos videogames, na era dos 16 bits. Presenciei Yuko virando heroína, fiquei emocionado ao ver Reiko morrer nos braços da Yuko, chorei ao ver a mãe de Yuko ser assassinada, vibrei quando ela descobriu ter uma irmã-gêmea, adorei conhecer a elfa Cham e fiquei meio puto quando Yuko ganhou uma sucessora, a Lena Brand.


Quem acompanhou a série viu essas garotas salvarem o mundo diversas vezes, sofreu junto com elas em momentos de tormento assim como vibrou em momentos gloriosos. Vimos elas crescerem, amadurecendo, tornando-se pessoas mais fortes, honradas e de caráter inspirador e que qualquer um gostaria de ser."


Pelo amor de Deus, quanta frescura. Ficou PUTO quando Yuko ganhou uma sucessora, amigão? Não SOFRESTE grande transformação, digo-te eu, o Poderoso Thor.


"Com certeza um clássico como esse, que fez muito sucesso (afinal foram 4 jogos, um game que não faz sucesso não teria tantas continuações assim), o carro chefe da Telenet, merecia um lançamento mais digno e honroso do que a porcaria de um game hentai. Existem por aí várias imagens e até histórias completas hentai de Valis (como a da figura abaixo), mas nenhuma delas tinha a assinatura da Telenet."


Claro, um videogame extremamente comercial, com 1 ou 2 jogos decentes e a maioria canastrices de plataforma, que sempre teve grande apelo à bronha e muito FAN SERVICE pra chamar OTAKU tarado, merece HONRA & RESPEITO.

Se os cara querem fazer um jogo pornô, deixa que façam, porra. O jogo sempre teve grande potencial para bronha mesmo, vai dizer que as teta de fora e as calcinha não eram gratuitas? Se agora querem ganhar um pouco de dinheiro com esse SEGMENTO de FÃS, por que não fazer isso? É só tu não comprar e não jogar, ninguém tá obrigando criança a ASSISTIR. Ou tu acha o que, que o jogo é sagrado, puro e ingênuo? Ou que não pode ter várias versões do mesmo jogo? Garanto que se fizessem um adventure, tu não ia choramingar desse jeito. Mas hentai não pode, é feio. Ah, vai chupar piça. Aprenda: no Japão isso é comum. É um país que entende de COMÉRCIO. Se tem um jeito de ganhar mais dinheiro, eles vão fazer. É corriqueiro ARTISTAS de mangá lançarem versões pornográficas de seus personagens.

Em tempo: claro que esse mesmo punheteiro que teve o CHILIQUE acima, na mesma página, no final dela, faz uma GALERIA DAS GATAS DE VALIS, com muito biquini e peitinho. Ironia, heim? Vão jogar o Valis 1 de PC Engine, amiguinhos. Quando vencerem, passem aqui em casa pra pegar o prêmio.