Pesquisa
avançada
12567 joguetes

Jogo recentemente visto:

Prince Of Persia

Albert Odyssey - Legend of Eldean

  • Sega Saturn
  • 1997
  • CD
  • T-12705H
  • Working Designs
  • 1
  • SSF
  • arquivo Albert Odyssey - Legend of Eldean (USA).zip temporariamente indisponível
  • entrada

  • várias telas au na apresentação

  • grahahaha!

  • ahahahahahaha

  • então toma um dedo no cu! arzinho!

  • e veja a minha espada piroca!

  • os pais do personagem

  • cercados por goblinhos

  • goblinhos matam eles, mas o guri se salva

  • no outro dia uma harpia desce do céu, salva ele e pega a espadinha CIRRUS

  • como sempre inicia na cama

  • a espadinha fodanchona sempre falando merdas

  • essa é a LAIA

  • pelo menos os gráficos são bons

  • mais fodancha

  • auiu

  • bow and fele-me. o crystal é o save

  • várias sprites de comida. parece até o final fight

  • cristalzão rosa

  • rolam falas diferentes nas conversas

  • dragões atacam de repente

  • GRAHAHAHA!

  • muó

  • muóóóó (mas a espadinha te salva ali)

  • trocando de cena depois de levar a LAIA PETRIFICADA pra casa

  • agora tou todo equipado

  • world map bagaceiro pra caralho

  • atacando um weredog

  • venci!

  • mais mapa ruim

  • grindando com gosto

  • e um spell novo para encerrar essa merdalha

  • a propaganda

Essa é a versão americana do Albert Odyssey Gaiden - Legend of Eldean.

É um RPG medieval dos de sempre, mas com os gráficos bons e bastante enrolação na história. Tu és um guri com uma espadinha falante que foi salvo de ser morto por goblinhos por umas harpias (que parecem uns anjos). Depois vem uns dragões filhos da puta e bagunçam a vila delas. E ainda por cima te buleiam na vila por tu não teres asas. Discriminação é um crime muito sério e ai deles se aparecerem pelo facebook.

Fora da vila rola o clássico world map com encontros aleatórios de sempre. Depois mais gente se junta à tua PARTY e por aí vai.

Se esse jogo tivesse sido feito pela Bel Pesce, a atochadora de gordinhos merenda do facebook, certamente seria bem menos entediante. Mas quem sabe tu, apreciador de eternos encontros aleatórios (e fáceis pacas) podes gostar?